Nota crítica aos “Coloridos”

AVISO: Se você simpatiza com os coloridos, ou é um deles, ou acha eles uma fofura e a nova geração do rock… Largue a mão de ser masoquista e não leia o meu blog. Vá caçar qualquer outra coisa pra fazer e continue sua vida feliz. Eu não curto, eu vou criticar, e paciência se vc não gostar. Segue o post.

Uma pequena nota crítica: Os próprios coloridos não sabem definir o que são.

Não sabem porquê vestem-se como clubbers fofuxos de lycra. Os próprios coloridos desconhecem sua filosofia, a ponto de serem influenciados pelos amigos para seguir um estilo.

E isto não é tudo. eu gostaria de corrigir a expressão… “Nós nos vestimos assim porquê é diferente”.

Amigos coloridos, eis uma verdade: você é parte de um monte de gente igual.

Sabe porquê?

Porquê diferente é algo que quebra os padrões, que foge do popular, que risca-se da regra do comum e definitivamente não faz parte da moda. Ser colorido É moda. E quanto a isso, não há dúvidas! As músicas “coloridas” não param um segundo de tocar nas rádios, os ícones “coloridos” não saem da tela da sua TV ou do seu computador, e as roupas “coloridas” são vestidas por vários jovens, senão todos! Isso não é ser diferente! Isso é ser igual! Isso é fazer parte da modinha. É só seguir o fluxo. É ser só mais um.

Vazio, porém “colorido”.

As letras não passam de um padrão meloso de relacionamento adolescente em cima de uma melodia que acharam legal chamar de Rock. Mas Rock, deixa eu te explicar… Não é a droga que eles tocam! Esse tal de Happy Rock é uma desculpa esfarrapada pra não parecer tão escroto quanto realmente é. O Rock de verdade você encontra com os Beatles, Elvis, Jimi Hendrix, Nirvana, Joy Division, David Bowie… Roqueiros de verdade! Pioneiros da música e rockstars incríveis. Eu não estou dizendo que o rock em si é um padrão. Eles eram diferentes uns dos outros. Os Beatles eram rapazes em amadurecimento, que passaram de pop a hippies. Elvis era um rebelde sedutor com gel no cabelo e terninhos boca de sino. David Bowie vestia plumagens e maquiagens rebuscadas em seus shows. Jimi Hendriz usava black power, um estilão hippie-disco e uma bandana. Todos eles eram diferentes, todos quebravam os padrões… E faziam mágicas quando encostavam na guitarra. Isso sim é Rock!

O que o Hori, Hevo, Restart, Replace, Cine, Fresno, Nx Zero, dentre outros cantam são a mesma coisa! O que eles tocam é a mesma coisa! Como se vestem, é a mesma coisa! É como assistir Malhação. A história é sempre a mesma! E continua fazendo sucesso, sem as pessoas nem saberem porquê diabos gostam!

Isso se chama modinha. O que é da moda, o que vive sendo reproduzido, o que a mídia diz que é “diferente”, pega. Ninguém sabe porquê, mas pega! Não há um motivo de verdade para se vestir de multicores néons, além do “ser legal”. Não existe uma filosofia concreta, muito menos uma história, um ideal. É só uma moda.

Eu só espero que ela passe de uma vez. Porquê eu mesma, que vivo nesta juventude, não tenho nem idéia de onde essa peste veio. E também, não faço a mínima de pra onde ela vai. Tomara que seja pra bem longe. Mas… é como Malhação. Uma vez impregnado na cabeça oca dessa geração, não vai se cansar de ser repetido… até a eternidade. Urgh!

 

P.s.: Este é um post de muita repercursão no meu blog. Muita gente comentando, criticando, ou até mesmo elogiando, apaguei todos. Se quer me encher o saco, passe reto e feche a minha janela, me ignore por completo e eu vou me sentir muito agradecida.

8 Respostas para “Nota crítica aos “Coloridos”

  1. concordo com voce!
    os adolescentes usam essas roupas pensando que sao diferentes!
    enquanto fazem parte de um bando de retardados que nao tem uma filosofia de vida
    eles sao robôs ,seguindo oque a midia impõe
    pessoas que sao oque sao por causa dos outros…se importando com oque os outros pensam!
    eu sou do tipo que ABOMINO A MODA DE HOJE!sou do tipo que curte o bom e velho ROCK’N ROLL!
    e nao sei quantas vezes chegaram para mim só pra dizer o quanto sou diferente (como elogio,logico!)
    sou esquisita???
    sou sim!
    por que a definição de normal desse mundo de hoje é bizarra!
    e gostei bastante dessa postagem…me inspirou bastante para a do meu blog
    bye
    =*

    • pô, que legal Ana Paula!!
      valeu pelo comentário, viu?
      e que bom que eu pude inspirar vc!
      vou até dar uma passada no seu blog depois🙂
      beijos!

    • felicidade? onde essas coisas são felizes?

      ahhh…mas já que a midia diz isso…então esta certo (sarcasmo)
      -tenho que colocar ”sarcasmo” entre parenteses…tem gente que não entende –
      e adorei suas novas postagens Mah^^

      =*

    • felicidade virgula …dizem eles em um comentario (entrevista)ke eles sao o renascimento do rock o estilo da musica deles sao (rock feliz) isso e uma sacanagen aos grandes rockeiros de verdade…..tipo ozzi osbourne e outros ……

  2. concordo com vc, garota. eu tmb acho esses coloridos uns inuteis, idiotas influenciados pelos amigos. Nao vejo a menor graça nesse estilinho ae. eles n são originais, e ainda tem a cara de pau de dizer q são roqueiros… Ah de boa, eh ser muito ridiculo neah? bando de FDP.

  3. Bom.. Vou até falar pouco pq n vou ficar akii falando coisas pra essas pessoas q n tem nada pra fazer na vida e fica falando mal dos outros,gente a Restart é “uma banda”see toca e vê se depois q vcs falaram essa merda aí eles pararam de fazer sucesso?N neh!Pois intão se n gosta n precisa ficar por aí falando mentira,o q vcs queriam claro q era ter a fama deles neh?
    Então continua fazendo isso pra vê até onde vcs vão chegar!
    Restart vai ser sempre “MEUS COLORIDOS ACIMA DE TUDO”
    Pow quem gosta sabe o q é a Restart!
    E quem n gosta segue sua vida e deixa meus meninos em paz..
    SE LIGA “RESTART É RESTART”

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s