This is It.

Sim, é um post sobre o filme do Michael Jackson. Sim, comecei a prestar mais atenção no Rei do Pop só depois de sua morte… e sim, eu vou elogiar muito o camaleãozinho dançante neste post.

Hoje, depois de assistirmos ao hilariante programa de palco de Huck, eu e minha Vox decidimos sair de casa e pegar uma sessão de cinema lá pros cantos do Open Mall de itaim. A próxima sessão era as 19:10, o horário exato em que chegamos na bilheteria. Estava decidido, this is it! Na sala 2, nos assentos 13 e 14 (por ironia do destino, o meu era o 13), esperamos o show começar. E que show.

O filme trata dos ensaios do King of Pop para sua última bateria de shows, tão espetaculares e inusitados, e ousados quanto qualquer show que eu poderia imaginar!! Cada música (por sinail, já boas) ganhou uma remixagem, uma remasterização e uma batida totalmente nova e forte, contagiante. A cada passo o branquelo pelo palco eu tinha vontade de levantar da cadeira. Cada vez mais hipnotizada, cheguei a ficar minutos e mais minutos sem piscar, admirada ao máximo que pude com tamanha produção e dedicação. Eu já conhecia o trabalho do produtor Kenny Ortega, mas não num patamar tão elevado, tão excelente. Os fogos, as luzes, os dançarinos arrancavam o fôlego a cada passada, a cada andada para trás. E então, vieram uma atrás da outra… Thriller, Beat It, Billie Jean, Smooth Criminal… todas tão soberbas que senti o impulso da emoção querendo me tomar berros, em meio a escuridão do cinema, iluminada parcialmente pelos esplendorosos flashes do palco em chamas, enquanto Michael performanceava Earth Song… Tudo termina infelizmente depois de 120 minutos de êxtase e emoção, á trilha de Man In The Mirror… Ao tempo que Michael está lá em cima gritando “Make a Change”, percebe-se a satisfação e o orgulho não só da equipe do show, mas também de todos os espectadores do cinema que cantam junto, como se já estivessem na noite do espetáculo.

Voltamos cantarolando “If you wanna make this word a better place take a look at yourself and then make a change…”. Vox ligou o carro e me olhou faceira…

-Puxe o cabo do porta luvas, ligue o celular no rádio. Vamos ouvindo Michael.

Obedeci piamente e então, lá estávamos, cantando como doidas Who’s Bad para todo o bairro escutar. Viramos as últimas esquinas gritando e rindo com The Way You Make Me Feel (nossa preferida em comum), e assim que estacionamos o carro, a música teve fim e sabíamos que tudo tinha valido a pena. This is it.

Cá estou eu, logo após Vox fechar o carro. Eu tinha de vir postar essa maluquice🙂

3 Respostas para “This is It.

  1. Tive uma experiência um tanto quanto similar num cinema…

    Só que foi o show de 4 horas Big Four, que passou em alguns cinemas em Julho, com um show feito pelas bandas Anthrax, Slayer, Megadeth e Metallica no final do ano passado, e que no fim tocaram todos juntos no mesmo palco.

    Nem preciso dizer que todos no cinema berraram, cantaram, pularam, alguns (eu no meio) se jogaram pelas cadeiras, e até fizeram uma pequena roda punk na frente do cinema abaixo da telona… Foi como estar lá, praticamente, rs

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s